FHC versa contra o impeachment: “O custo histórico é muito elevado”

BR: O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso versou, em entrevista à Folha de S. Paulo, contra a instituto do impeachment. A palavra voltou a estar na ordem do dia diante da possibilidade de o presidente Jair Bolsonaro naufragar tanto na política, quanto na economia.

“Nunca fui muito inclinado a apoiar impeachments”, disse FHC. “Continuo não sendo. Não é aconselhável o Congresso usar todos os poderes, porque isso vai resultar em um trauma, sem que a população tome consciência dos verdadeiros problemas”.

E explicou:

“No caso do Lula, quando houve o mensalão, havia um movimento de impeachment. Eu não queria. Não é que eu não achasse justo”, alfinetou, “mas era como se eu dissesse ‘olha a consequência’. Você faz um impeachment do primeiro líder sindical que é presidente da República? Vêm as elites e derrubam? Você vê a leitura que vai ser. O custo histórico é muito elevado”, professou FHC.