Ao vivo: Weintraub fala e manifestações crescem em todo Brasil; estudantes mostram força contra corte de 30% nas universidades

BR: Em meio ao crescimento das manifestações em torno da greve nas universidades federais contra os cortes anunciados de 30% no ensino superior, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, fala ao plenário da Câmara dos Deputados sobre a situação no setor. Ele procurou não responder diretamente sobre a questão que motiva a greve, mas afirmou que, “se preciso, a polícia precisa sim entrar nas universidades”.

“Ele não sabe ler um gráfico”, atacou o deputado Paulo Pimenta (PT-RS), atacando a apresentação baseada em telas feita por Weintraub. “O ministro é covarde”, desferiu, reclamando do fato de o ministro não explicado a decisão que foi anunciada, e desmentida.

Pimenta bateu forte em Weintraub: “O senhor disputa o título de pior ministro da Educação deste país”, definiu. “Odeia a cultura, a ciência e o conhecimento. Como poderíamos imaginar que pudesse ser diferente num governo de Jair Bolsonaro?”, questionou.

A seguir, o líder do governo na Câmara, deputado Major Vitor Hugo (PSL-GO), responsabilizou “a esquerda” pela deterioração no setor da Educação.

Acompanhe ao vivo da Câmara: