Varejo tem sopro de crescimento com avanço de vacinação; previsão de alta nas vendas de 4,5% no segundo semestre

O varejo registou resultados positivos em abril e junho, graças aos dias das Mães e dos Namorados, destaca O Globo (25). Para este segundo semestre, com o avanço da vacinação, a perspectiva é de melhora, ainda que a inflação possa corroer parte da poupança acumulada durante a pandemia.

Para a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Servicos e Turismo (CNC), as vendas do varejo devem fechar o segundo semestre com um avanço de 4,5%. A Ancar Ivanhoe, com 24 shoppings no país, registrou salto de 84% nas vendas em junho, em comparação com abril.

Segundo um relatório semanal da Associação Brasileira de Shopping Centers com a Cielo, desde a última semana de março os shoppings registram recuperação nas vendas, com aumento do tíquete médio em relação a 2020. O setor calçadista projeta alta de 14,3% na produção este ano. Mas condiciona esse avanço à vacinação. O comércio de rua também vem se beneficiando.