RJ - ELEIÇÕES 2018/BOLSONARO/CEASA - CIDADES - O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, durante coletiva realizada na sede da Associação Comercial da Central de Abastecimento do Rio (Ceasa), em Irajá, na zona norte do Rio de Janeiro. Antes da entrevista, o candidato visitou o local. 28/08/2018 - Foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO

Tropas do general inflação já atingem 8 em cada 10 produtos que compõem o IPCA; Bolsonaro sitiado por descontrole na economia; povo sente e rejeita

Praticamente oito de cada dez produtos que compõem o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), indicador oficial de inflação, foram atingidos pela alta de preços no Brasil que se espalhou pela economia nos últimos meses.

Atualmente, 377 itens estão na cesta de produtos monitorados pelo IBGE para medir a inflação, que ficou em 1,06% em abril. Trata-se da maior alta para o mês desde 1996.

Com a alta, as famílias têm cada vez mais dificuldade quando vão às compras. O número grande de produtos com preços subindo, além disso, pode realimentar a própria inflação.h

O óleo diesel é um dos principais exemplos: como serve de insumo para o transporte, a alta do combustível acaba puxando outros preços, como os dos alimentos. Isso também vale para a energia elétrica.

“A energia está em tudo, então acaba encarecendo a formação de preços. Deixa tudo mais caro. Se você vai prestar um serviço, você usa a energia elétrica. Se vai fabricar algo, você também utiliza energia”, explica o economista Fábio Romão, da consultoria econômica LCA.