SBT suspende apresentador por aconselhar Bolsonaro a criar “campo de concentração” para doentes de Covid-19; Marcão do Povo viu espaço para sugerir modelo nazista ao presidente; assista

O apresentador Marcão do Povo criou uma polêmica nas redes sociais nesta quarta-feira (8). Titular do programa Primeiro Impacto, do SBT, falava sobre a pandemia da Covid-19 quando sugeriu que o governo deveria criar campos de concentração para tratar os infectados pela doença. De acordo com informações do colunista Maurício Stycer, do Uol, a emissora decidiu suspender Marcão do programa após a repercussão da fala, que sofreu duras críticas.

“Monta um campo de concentração, de cuidado, com equipamentos mais sofisticados, com os melhores profissionais e colocar essas pessoas com problemas?”, questionou na atração.

De acordo com o jornalista, a decisão foi tomada na emissora nesta tarde. O telejornal será apresentado por Dudu Camargo e Márcia Dantas. Em um primeiro momento o SBT defendeu que Marcão tinha o direito de “expressar sua liberdade de expressão”, mas afirmou que a opinião dele não era a mesma da empresa.