Ruy Ohtake, 83; o arquiteto que tornou São Paulo mais moderna; “Onde está a cor?”, perguntava genial criador; câncer na medula

O arquiteto Ruy Ohtake morreu neste sábado (27), aos 83 anos, em São Paulo, em decorrência de uma mielodisplasia – um tipo de câncer de medula –, informou sua assessoria.

Ruy era filho da artista plástica japonesa, naturalizada brasileira, Tomie Ohtake. Um velório fechado será realizado em sua residência, apenas para familiares. Ele será cremado.

O arquiteto Ruy Ohtake em frente ao Hotel Unique, desenhado por ele em 31 de outubro de 2002 — Foto: Epitácio Pessoa/Estadão Conteúdo/Arquivo

O arquiteto Ruy Ohtake em frente ao Hotel Unique, desenhado por ele em 31 de outubro de 2002 — Foto: Epitácio Pessoa/Estadão Conteúdo/Arquivohttps://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Com formas geométricas bem definidas e cores marcantes, suas obras são reconhecidas de longe pela capital – com destaque para o Hotel Unique e o Instituto Tomie Ohtake. Veja abaixo:

  • Hotel Unique
Fachada do Hotel Unique, em São Paulo (SP) — Foto: Divulgação

Fachada do Hotel Unique, em São Paulo (SP) — Foto: Divulgação

  • Instituto Tomie Ohtake
Instituto Tomie Ohtake — Foto: Divulgação

Instituto Tomie Ohtake — Foto: Divulgaçãohttps://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Outra das grandes obras assinadas por Ruy Ohtake é o projeto do conjunto habitacional em Heliópolis, na Zona Sul de São Paulo, que recebeu o apelido de “redondinhos”.

São 19 edifícios residenciais cilíndricos – por isso se popularizou como “redondinho” – com fachadas coloridas.

Prédios projetados por Ruy Ohtake em Heliópolis — Foto: Reprodução/GNT

Prédios projetados por Ruy Ohtake em Heliópolis — Foto: Reprodução/GNT

Também é dele o premiado Parque Ecológico do Tietê, e o Expresso Tiradentes, ambos em São Paulo. Sua obra cruzou oceanos com o projeto da Embaixada Brasileira em Tóquio.

  • Embaixada do Brasil em Tóquio
Embaixada do Brasil em Tóquio — Foto: Guilhem Vellut

Embaixada do Brasil em Tóquio — Foto: Guilhem Velluthttps://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Paulistano, Ruy se formou pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU), em 1960.

A obra de Ohtake se destacou pela influência das escola carioca e paulista de arquitetura – formuladas pelos arquitetos e urbanistas Oscar Niemeyer (1907-2012) e Vilanova Artigas (1915-1985).

Ruy Ohtake — Foto: Antonio Basílio/PMSJC

Ruy Ohtake — Foto: Antonio Basílio/PMSJC

O arquiteto também deu aulas na Faculdade de Arquitetura do Mackenzie, e na Universidade Católica de Santos – onde recebeu o título de professor emérito em 2007.