Pré-candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro 06/06/2018 REUTERS/Adriano Machado

Em lista sempre polêmica, Time escala Bolsonaro entre os 100 líderes mais influentes do mundo

BR: Incluído em uma lista que já teve, em anos anteriores, os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff, o presidente Jais Bolsonaro foi eleito pela redação da revista Time, dos EUA, como um dos cem líderes mais influentes do mundo. Na versão 2019, ele aparece ao lado de nomes como Benjamin Netanyahu, primeiro-ministro de Israel, Juan Guaidó, autodeclarado presidente interino da Venezuela, e o papa Francisco.

No texto de apresentação de Bolsonaro, a revista apresenta o presidente brasileiro como uma “personagem complexa”. De acordo com a revista, o chefe do Executivo representa uma ruptura com uma década marcada pelo alto nível de corrupção e “a melhor chance de implementar reformas econômicas que podem conter o aumento da dívida”.

A revista define ainda Bolsonaro como o garoto-propaganda de uma “masculinidade tóxica” e com tendência a um comportamento homofóbico e ultraconservador, com a intenção de “travar uma guerra cultural e reverter o progresso do Brasil no combate às mudanças climáticas”.

A descrição diz que “por trás do apetite de Bolsonaro pelo controverso, resta uma importante verdade sobre o Brasil: Brasil continua a ser uma democracia dinâmica com instituições robustas que podem limitar tanto as boas e más ações dele [Bolsonaro]”.

Por fim, a revista aponta que se o presidente brasileiro quiser atingir os objetivos dele, deverá trabalhar junto com o sistema.

A lista dos mais influentes da Time traz outros nomes bastante conhecidos, como o dos atores Emilia Clarke (conhecida pelo papel na série da HBO Game of Thrones) e Rami Malek (destaque no papel de Freddie Mercury no filme Bohemian Rhapsody). Figuram também o jogador de golfe Tiger Woods e o de basquete Lebron James, além de personagens importantes como Michelle Obama. ffffff