Para Bolsonaro e Heleno urrarem: juiz absolve Adélio, o esfaqueador; inimputável; internação por tempo indeterminado

BR: Por essa o presidente Jair Bolsonaro não podia esperar. O seu esfaqueador em Juiz de Fora, durante a campanha eleitora, Adélio Bispo dos Santos, não foi condenado pela Justiça, mas apenas considerado inimputável pelo juiz federal Bruno Savino.

Adélio terá de ficar internado por tempo indeterminado, com exames a cada três anos.

O general Augusto Heleno, que hoje pediu prisão perpétua para Lula, vai dizer o que sobre essa sentença?