Luta interna à vista: CNB lança Haddad para presidente do PT em novembro

BR: Luta interna que se acirra dentro do PT. A corrente Construindo Um Novo Brasil quer o ex-prefeito Fernando Haddad como candidato a presidente do partido em novembro, desbancando a atual titular Gleisi Hoffmann. Analistas julgam que, para o caso de esta hipótese vencer, a campanha Lula Livre sofreria uma redução de peso nas preocupações do partido.

A corrente “Construindo um Novo Brasil”, que compõe um dos grupos internos do PT, quer o ex-candidato a presidência da República, Fernando Haddad, como presidente nacional do partido. A eleição petista para eleger um novo presidente, vai ocorrer em novembro deste ano.

A vontade de ter Haddad no comando porém, contraria o desejo do ex-presidente Lula, que defende a permanência de Gleisi Hoffmann.

“As discussões precisam ser feitas à luz do dia. Não tenho nada contra a Gleisi, mas o Haddad fala mais com a sociedade. Foi o nosso candidato a presidente da República. Se o Lula não estiver habilitado em 2022, ele é o candidato a presidente. Então, ele é melhor nome para ampliar a nossa relação com a sociedade”, disse Washington Quaquá, presidente do PT no Rio, em entrevista.