O dorminhoco; Guedes admite que governo “falhou” em acompanhar crescimento de precatórios a R$ 90 bilhões; “Vocês dormiram no ponto? Possivelmente sim”

O ministro da Economia, Paulo Guedes, reconheceu nesta terça-feira que o governo possivelmente dormiu no ponto em relação ao salto verificado na conta de precatórios para o próximo ano, que chegou a 90 bilhões de reais.

“Nossa estimativa era em torno desse patamar, 40, 50 (bilhões de reais). De repente dá um pulo para 90”, disse ele.

“Você fala assim: vocês dormiram no ponto? Possivelmente sim, o governo em alguma coisa falhou.”

Ao falar em seminário sobre o tema promovido pelo Poder 360, contudo, ele pontuou que não havia muito o que pudesse ser feito, uma vez que a decisão sobre o pagamento de precatórios é dada por outras instâncias em relação às quais “não temos alcance, a não ser conversando”.