Noblat: Bolsonaro transformou marcha religiosa em comício de reeleição e abriu a disputa para 2022 aos seis meses de governo; bom negócio?

BR: O colunista Ricardo Noblat foi, mais uma vez, direto ao ponto. Ele observa em seu blog, hoje, que a passagem do presidente Jair Bolsonaro pela Marcha para Jesus, realizada ontem, em São Paulo, revirou a finalidade do evento.

O que seria uma manifestação religiosa, virou um comício de reeleição.

E com a declaração de que “todos irão votar em mim”, assumindo sua candidatura à reeleição, Bolsonaro inaugurou o processo eleitoral de 2022 aos seis meses de seu próprio governo.

É mesmo um bom negócio para o presidente, manter desde já o clima de polarização política no País, com ele próprio ocupando uma das pontas?

Talvez a precipitação da candidatura à reeleição mais isole do que some para Bolsonaro.

A ver cenas dos próximos capítulos.