Mandetta critica Bolsonaro nos bastidores para forçar a própria demissão; com novo ministro da Saúde, presidente teria de ser “mais responsável”

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse a interlocutores que Jair Bolsonaro agiu até agora de maneira irresponsável porque queria defenestrá-lo da pasta e que com novo indicado para a pasta o chefe do Executivo teria que atuar de outra forma no combate ao coronavírus.

Mandetta vê sua demissão como algo positivo em pelo menos um aspecto: Jair Bolsonaro iria se acalmar e teria que se tornar mais responsável no combate ao novo coronavírus quando nomeasse um novo ministro, informa a jornalista Mônica Bergamoem sua coluna na Folha de S.Paulo .