Maia diz que mudanças na política toma-lá-dá-cá “não são assim tão rápidas”

BR: O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, fez uma crítica nesta terça-feira 26 à postura do presidente Jair Bolsonaro frente ao parlamento.

“O presidente está refém do discurso de campanha”, afirmou Maia, referindo-se, indiretamente, ao fato de Bolsonaro não estar oferecendo posições no governo e emendas orçamentárias aos parlamentares. Esse tratamento duro aos políticos, com promessas do fim da política conhecida como ‘toma-lá-dá-cá’, vem sendo praticado pelo presidente sob críticas de diversos deputados.

“Não se pode menosprezar a política”, avançou Maia. “A sociedade pós-eleição gerou muita expectativa de que teríamos um novo país, mas as mudanças não são assim tão rápidas num país democrático”, justificou.