Influencer bolsonarista é preso por tentar extoquir Prefeitura de Caraguatuba em R$ 8 mil mensais; Tarcisio Mateus já foi denunciado por bater e tirar dinheiro da mãe de 80 anos; foto com amigo presidente

O apresentador bolsonarista Tarcisio Mateus Rodrigues Alencastro, de 51 anos, diretor do Programa Costa Vip Brasil, transmitido em suas redes sociais, está preso em Caraguatatuba, SP, acusado de tentativa de extorsão contra a prefeitura local.

Detido desde o sábado (24) em uma cela da delegacia, ele foi ouvido nesta terça (27). Segundo o delegado titular Vanderley Pagliarini, Tarcisio deverá ser colocado em liberdade na noite de hoje.PUBLICIDADE

O apresentador estava sendo intimado a prestar depoimentos desde o mês de junho, mas a polícia não conseguia encontrá-lo porque não tinha endereço fixo.

Consta nos autos que teria exigido “patrocínio” de R$ 8 mil mensais pela prefeitura, caso contrário iria “jogar merda no ventilador”.

Ele vinha apresentando denúncias frequentes contra a administração, a maioria sem apresentar provas. Em abril, postou um áudio apócrifo que denunciava autoridades municipais de terem sido os mandantes da morte de um comerciante em 2019, crime até hoje não esclarecido.

A repercussão nas redes sociais foi grande. O prefeito da cidade apresentou a denúncia de extorsão em abril, logo após a postagem.

Tarcisio Matheus responde a 19 processos, entre eles calúnias e difamações contra jornalistas.

No ano passado, ele foi denunciado pelo Ministério Público Estadual por suposta apropriação dos rendimentos da mãe de 80 anos, que vivia em uma instituição para idosos.