Guedes congela funcionalismo: “Ideia é não contratar pessoas para repor quem se aposentar”

BR: Mais uma vez, o ministro Paulo Guedes, da Economia, provou que não tem problemas em ser sincero. Em evento nesta sexta-feira 15  na Fundação Getúlio Vargas, no Rio de Janeiro, ele previu que entre 40% e 50% do total de funcionários públicos federais irão se aposentar nos próximos anos, mas avisou: não haverá contratações de reposição.

“A ideia é não contratar pessoas para repor. Vamos investir na digitalização”, disse Guedes. Ele insistiu na importância da aprovação da reforma da Previdência para o equilíbrio das contas públicas.