General Mourão reforça defesas de Bebbiano: “Não será boa a saída dele assim”

À jornalista Andrea Sadi, da Rede Globo, o vice-presidente Hamilton Mourão foi claro ao reforçar as defesas do secretário-geral da Presidência, Gustavo Bebbiano. Alvejado por Carlos Bolsonaro, que o chamou de mentiroso, em ataque corroborado pelo presidente Jair Bolsonaro, o ministro não despachou hoje no Palácio do Planalto. Ele alega não ter responsabilidade sobre os desvios do Fundo Partidário praticados no PSL, com esquemas de candidatos laranjas, durante a campanha eleitoral de 2019.

Mourão acha que não seria bom Bebbiano sair “assim”, antes de ter sua responsabilidade comprovada. “Ele sempre foi muito respeitoso comigo, e gosto dele. Acho que ele se sustenta, não será boa a saída dele assim, vamos com calma”, afirmou o general Mourão.