G-20 já se revela constrangimento para Bolsonaro: Merkel quer conversa séria sobre desmatamento

BR: A reunião do G-20, em Osaka, no Japão, para onde o presidente Jair Bolsonaro viaja nesta quarta-feira 26, já se mostra indigesta para ele. Além de ser precedido pela notícia da apreensão de 39 quilos de cocaína, na Espanha, em avião da comitiva presidencial, ele já tem um prato difícil oferecido pela chanceler alemã, Angela Merkel.

“Assim como vocês, vejo com grande preocupação as ações do presidente brasileiro (em relação ao desmatamento) e, se for o caso, aproveitarei a oportunidade no G20 para ter uma discussão clara com ele”, disse Merkel a parlamentares alemães.

A questão para Bolsonaro é o que ele pode dizer de positivo de sua política ambiental, cujo maior retrato para os europeus e aceleração da desmatamento na Amazônia e a livre circulação de mais de 200 tipos de agrotóxicos nos alimentos brasileiros.

Ou seja, Bolsonaro não tem o que apresentar de positivo num campo dos mais sensíveis ao G-20.