Europa acirra medidas de proteção ao Ômicron; Reino Unido exige passaporte de vacinação de todos os viajantes entrantes

O primeiro-ministro do Reino UnidoBoris Johnson, anunciou neste sábado (27) que irá reforçar as medidas sanitárias após a confirmação de dois casos da variante ômicron do coronavírus no país.

“Precisamos ganhar tempo enquanto nossos cientistas pesquisam, enquanto vacinamos e damos reforço”, disse Johnson em entrevista coletiva.

O premiê afirmou que viagens não serão canceladas, mas que qualquer pessoa que entrar no país deverá fazer um exame obrigatório do tipo PCR (o do cotonete) no segundo dia após a chegada.

LEIA TAMBÉM:

https://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Além disso, todos os viajantes deverão se auto-isolar até receberem o resultado do teste – contanto que o resultado seja negativo.

“Precisamos diminuir a dispersão dessa variante no Reino Unido”, disse o premiê. “Ajudem a conter reforçando o uso de máscaras em ambientes fechados e no transporte público”.

Pessoas sem máscaras de proteção contra a Covid-19 caminham pela Oxford Street, em Londres, em plena pandemia da Covid-19 no Reino Unido, em 20 de outubro de 2021 — Foto: Toby Melville/Reuters

Pessoas sem máscaras de proteção contra a Covid-19 caminham pela Oxford Street, em Londres, em plena pandemia da Covid-19 no Reino Unido, em 20 de outubro de 2021 — Foto: Toby Melville/Reuters

Segundo o governo britânico, as medidas poderão ser revistas após dez dias. O premiê disse ainda que mais informações serão divulgadas durante a semana pelo Ministério da Saúde.

Johnson também afirmou que, ainda que não haja dados suficientes sobre a eficácia da vacinação contra esta variante específica, a imunização completa oferece proteção contra o vírus.https://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

“Vamos ampliar a campanha de reforço e reduzir o tempo entre a segunda dose e a dose de reforço”, disse Johnson.

Dois casos confirmados no país

O Reino Unido registrou dois casos da nova variante ômicron neste sábado, informou o ministro da Saúde do pais, Sajid Javid. Veja no VÍDEO abaixo.

Segundo ele, os dois casos foram identificados na Inglaterra em viajantes que passaram recentemente por países do sul do continente africano.