EUA voltam a endurecer com China e barram aplicativos TikTok e WeChat do território americano; questão de segurança nacional, alega Casa Branca

A partir de amanhã, estará proibido fazer o download dos aplicativos chineses TikTok e WeChat nos Estados Unidos. A ordem foi dada ontem pela Casa Branca, com o argumento de que se trata de segurança nacional. O país trava uma guerra comercial e tecnológica com a China. Mais de 100 milhões de usuários serão afetados.

Segundo New York Times, transferências de recursos e pagamentos pelo WeChat de quem já tem o aplicativo também serão suspensos no domingo. Além disso, operadoras de internet não poderão mais permitir o seu funcionamento em território americano. O TikTok será descontinuado em 12 de novembro. O Ministério do Comércio chinês alertou que tomará as medidas necessárias para proteger “os interesses legítimos” das empresas chinesas.