Venezuela's President Nicolas Maduro uses a pair of binoculars during the closing campaign ceremony for the upcoming Constituent Assembly election in Caracas, Venezuela, July 27, 2017 . REUTERS/Carlos Garcias Rawlins

EUA sobem régua da tensão: “Dias de Maduro estão contados”, diz secretário de Estado

O secretário de Estado americano, Mike Pompeo, disse que os Estados Unidos tomarão mais medidas para pressionar Nicolás Maduro, depois que tropas leais ao presidente venezuelano impediram, no sábado, a entrada no país da ajuda doado pelos Estados Unidos e o Brasil.

— Há mais sanções a serem tomadas. Há mais ajuda humanitária, acho, que podemos fornecer — disse Pompeo em entrevista ao canal americano CNN, neste domingo. — Acho que encontraremos outras maneiras de garantir que a comida chegue às pessoas que precisam.

Ele não quis afirmar quando acredita que a operação para provocar a queda de Maduro vai ter sucesso: —  As previsões são difíceis. Apontar os dias exatos é difícil —  declarou Pompeo na CNN. —  Acredito que o povo venezuelano vai garantir que os dias de Maduro estejam contados. fff