Em meio a boato de que Bolsonaro irá morar nos EUA se perder a eleição para Lula, vereador da Flórida avisa: “Você não é bem-vindo”; rejeição prévia

O norte-americano Richie Floyd, vereador na cidade de São Petersburgo, na Flórida, Estados Unidos, disse nesta 5ª feira (13.jan.2021) que o presidente Jair Bolsonaro (PL) não é “bem-vindo” para morar no país. Mais cedo, circularam informações de que o chefe do Executivo estuda a hipótese de se mudar para o país, caso o ex-presidente Lula vença as eleições deste ano no 1º turno. Formulário de cadastroPoder360 todos os dias no seu e-mailconcordo com os termos da LGPD.

Pelo Twitter, Floyd respondeu uma publicação da jornalista Nathália Urban, que comentava a possibilidade. “Bolsonaro prometeu que se Lula vencer as próximas eleições no 1º turno vai deixar o Brasil: “Vou para os Estados Unidos”’. 

Floyd então afirmou: “Você não é bem-vindo”. © Fornecido por Poder360

Quem é Richie Floyd

Richie Floyd tomou posse como vereador da Flórida em 6 de janeiro deste ano. Em 2021, ele viralizou no Brasil depois de internautas apontarem algumas semelhanças físicas com o Gilberto Nogueira, o Gil do Vigor do programa Big Brother Brasil.

Na época, Floyd entrou na brincadeira e postou um “tchaki-tcha”, slogan do ex-bbb. Além disso, mudou seu nome no Twitter para “Richie do Vigor”

Na 1ª semana de janeiro, Gil do Vigor parabenizou Richie Floyd pelo novo cargo e propôs um encontro, já que está cursando seu PhD na Califórnia. Aproveitou para fazer campanha para Lula. 

“Oi, amigo! Deveríamos nos encontrar um dia. Estarei aí em fevereiro, me avise quando estiver livre! Eu amei sua gravata vermelha, Lula 2022. Tudo está conectado, risos”, escreveu Gil.