Dia da Consciência Negra tem protestos em capitais contra Bolsonaro; pautas sociais nas praças

Manifestantes foram às ruas de algumas cidades neste 20 de novembro, data dedicada ao Dia da Consciência Negra, em atos antirracistas e contra o presidente Jair Bolsonaro. Os protestos também incluíram outras pautas sociais, como aumento da fome no Brasil, a disparada na inflação.

Participaram dos atos movimentos sociais e estudantis, organizações sindicais e partidos políticos.

Veja também:

São Paulo

Moradores vão às ruas em manifestação antirracista nas regiões de Sorocaba e Jundiaí — Foto: Arquivo Pessoal

Moradores vão às ruas em manifestação antirracista nas regiões de Sorocaba e Jundiaí — Foto: Arquivo Pessoalhttps://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Municípios das regiões de Sorocaba e Jundiaí (SP) registram protestos antirracistas e contra Jair Bolsonaro neste 20 de novembro. Além dos protestos, ambas as cidades realizam programação cultural voltada ao Dia da Consciência Negra, como exposição de fotos sobre o período da escravidão na região, apresentações artísticas e feiras.

Goiás

Manifestantes fazem ato contra o racismo e protestam contra governo Bolsonaro, em Goiânia
https://imasdk.googleapis.com/js/core/bridge3.489.0_pt_br.html#goog_139303686500:00/00:45

Manifestantes fazem ato contra o racismo e protestam contra governo Bolsonaro, em Goiânia

Na capital Goiânia, os manifestantes se concentraram na Praça Universitária, caminharam pela Rua 10, desceram a Avenida Anhanguera e terminaram na Praça do Bandeirante.

grupo protestou contra o racismo no país e criticou o governo federal, a inflação dos alimentos e a volta do Brasil ao Mapa da Fome.

Pará

Protesto contra Bolsonaro e em alusão ao Dia da Consciência Negra em Belém — Foto: Reginaldo Gonçalves/TV Liberal

Protesto contra Bolsonaro e em alusão ao Dia da Consciência Negra em Belém — Foto: Reginaldo Gonçalves/TV Liberalhttps://0363cf890b45e3d07a015c060cac7b54.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

A capital Belém e a cidade de Altamira tiveram atos neste sábado contra o racismo, a fome, a reforma administrativa do governo federal. Eles também se manifestaram contra Bolsonaro e defenderam a política de cotas raciais.

Em Altamira, os manifestantes também protestaram pelo fim da discriminação de gênero e da violência contra as mulheres.

Alagoas

Manifestantes protestam contra Bolsonaro na Serra da Barriga
https://imasdk.googleapis.com/js/core/bridge3.489.0_pt_br.html#goog_1393036867–:–/–:–

Manifestantes protestam contra Bolsonaro na Serra da Barriga

Manifestantes de vários municípios de Alagoas subiram a Serra da Barriga, em União dos Palmares – histórico Quilombo dos Palmares -, neste Dia da Consciência Negra, para protestar contra o racismo e contra o presidente Jair Bolsonaro.

Mato Grosso do Sul

Manifestantes realizam protesto contra o governo Bolsonaro em Campo Grande
https://imasdk.googleapis.com/js/core/bridge3.489.0_pt_br.html#goog_1393036869–:–/–:–

Manifestantes realizam protesto contra o governo Bolsonaro em Campo Grande

Os protestos antirracistas e contrários ao governo federal no Mato Grosso do Sul ocorreram nesta manhã em Campo Grande. O grupo carregou cartazes com os dizeres “Fora Bolsonaro” e contrários a reforma administrativa da PEC 32.https://0363cf890b45e3d07a015c060cac7b54.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html