Carluxo bateu em Augusto Heleno e hoje levou do general Rocha Paiva: “Idiota inútil”, “pau mandado do Olavo”

BR: Bateu, levou. A velha máxima voltou a funcionar, agora em relação ao filho 02 do presidente Jair Bolsonaro, Carlos, também conhecido como Carluxo e, em família, pelo sutil apelido de pit-bull.

Ontem, Carlos disse que não aceita seguranças pessoais indicados pelo Gabinete de Segurança Institucional porque não acredita “naquilo”. Seu alvo direto foi o general Augusto Heleno, chefe do órgão e muito próximo a seu pai. Ele ainda disse que a incompetência do GSI possibilitou o transporte de 39 quilos de cocaína no avião presidencial precursor à viagem de Bolsonaro ao G-20.

O troco, em moeda de igual valor, veio hoje. Foi dado pelo general Luiz Eduardo Rocha Paiva, integrante da Comissão de Anistia do governo federal. Pelo WhatsApp, o militar chama Carluxo de “pau-mandado do Olavo”, referindo-se ao escritor Olavo de Carvalho.

“Pau-mandado de Olavo. Se o pai chama os estudantes vermelhinhos de idiotas úteis, e eu concordo, para mim, o filhinho dele é um ‘idiota inútil’, ou útil para os esquerdistas”, dizia a mensagem, acrescida de uma assinatura do general e um “Pode repassar”.

Repassado está!