Datena apresenta Brasil Urgente e fica legalmente impedido de disputar eleição este ano; cresce chance de chapa Covas-Marta para a Prefeitura de São Paulo

BR: O apresentador José José Luiz Datena está do fora do páreo da disputa da eleição para a Prefeitura de São Paulo este ano. Hoje no horário matutino, ele não comandou o programa de rádio Manhã Bandeirantes, criando uma marola de especulações sobre sua participação na eleição. Pelas regras deste ano, seria preciso que ele não aparecesse hoje na mídia eletrônica eletrônica para manter-se em condições de concorrer. Nesta tarde, porém, Datena apresentou normalmente o programa Brasil Urgente, na TV Bandeirantes, colocando-se em oposição às regras que determinam que a segunda-feira 10 seria o último dia para a realização deste tipo de atividade profissional para quem deseja participar da disputa este.

Datena, portanto, está legalmente impedido de concorrer. Essa ausência, agora, amplia o espaço para que a ex-prefeita Marta Suplicy seja apresentada, em breve, como candidato a vice na chapa encabeçada pelo atual prefeito paulistano, Bruno Covas, do PSDB. Filiada ao Solidariedade, Marta tem mantido conversas com o próprio Covas e dirigentes tucanos, contando com a simpatia pessoal do prefeito ao seu nome. Na virada dos anos 2000, ela já havia recebido apoio político do avô de Bruno, o então governador Mario Covas, e retribuiu o gesto ao declarar seu voto a favor de Covas em sua vitoriosa campanha de reeleição. Esses movimentos renderam a ela fortes laços com a família do atual prefeito, que pode agora trazê-la para seu lado.

Além do histórico de entendimento, Marta representaria para Covas um suporte no campo centro-esquerda e, especialmente, nos bairros populares da capital paulista, nos quais Marta tem forte prestígio.