Conttardo Calligaris, 72, psicanalista e escritor

O psicanalista e escritor Contardo Calligaris morreu nesta terça-feira (30), aos 72 anos, em São Paulo. Ele estava internado no Hospital Albert Einstein, na Zona Sul de São Paulo, e fazia tratamento contra um câncer (veja mais no vídeo acima).

Em um post em rede social, o diretor de cinema Maximilien Calligaris, único filho do autor, escreveu: “‘Espero estar à altura.’ Diante da proximidade da morte, essa foi a frase do meu pai. Ele se foi agora” (veja abaixo).

Considerado um dos principais psicanalistas em atividade no país e colunista da “Folha de S.Paulo” desde 1999, Contardo publicou em 17 de fevereiro seu último texto no jornal, no qual abordou o fim do governo Donald Trump nos Estados Unidos.

Nascido em Milão, na Itália, em 2 de junho de 1948, Contardo Luigi Calligaris teve o primeiro contato com o Brasil em 1985, quando veio dar palestras sobre seu primeiro livro de psicanálise, “Hipótese sobre o fantasma”.

Aqui se casou e, por um período, se dividiu entre os dois países, antes de se mudar de vez para o Brasil. Ao longo da carreira, também viveu e clinicou em Nova York, deu aulas em universidades nos Estados unidos e na França e lançou livros sobre psicanálise, além de volumes de ficção.https://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Sua obra ficou marcada por uma constante reflexão sobre a existência humana, passando por temas como a felicidade, as angústias contemporâneas e o sentido da vida.

Em entrevista concedida à TV Brasil em janeiro de 2020, falou sobre a valorização do cotidiano:

“O sentido da vida é a própria vida. Isso pode parecer uma total trivialidade – mas, para a maioria das pessoas, é um escândalo. Mas pouquíssimas pessoas conseguem viver pensando que o sentido da vida está na vida e, vou dizer mais, é a própria vida”.

https://www.instagram.com/p/CNDQJJZnduv/embed/captioned/?cr=1&v=7&wp=807&rd=https%3A%2F%2Fg1.globo.com&rp=%2Fsp%2Fsao-paulo%2Fnoticia%2F2021%2F03%2F30%2Fcontardo-calligaris-escritor-e-psicanalista-morre-aos-72-anos-em-sao-paulo.ghtml#%7B%22ci%22%3A0%2C%22os%22%3A3259.889999870211%7D

Perfil de Contardo Calligaris

Contardo Calligaris  — Foto: Luiz Evangelista/Divulgação

Contardo Calligaris — Foto: Luiz Evangelista/Divulgação

A primeira formação de Contardo, em epistemologia genética, foi concluída na Suíça, em uma faculdade em que Jean Piaget (1896-1980) palestrava. Também fez graduação em letras, o que lhe permitiu ensinar teoria da literatura.

Mais tarde, em Paris, dedicou-se ao doutorado em semiologia. Foi nessa época que Contardo começou a fazer análise e passou a se interessar por psicanálise – estudou na Universidade de Provence.

Também teve aula de filosofia com Roland Barthes (1915-1980), considerado um dos maiores linguistas de todos os tempos, e Michel Foucault (1926-1984). Em seus anos de formação, acompanhou o psicanalista francês Jacques Lacan (1901-1981), sua principal inspiração para se dedicar à psicanálise.

Doutor em psicologia clínica, foi professor convidado da Universidade da Califórnia, em Berkeley, e lecionou na Universidade de Paris

Viveu na capital da França por 15 anos, antes de vir ao Brasil.