Charlie Watts, 80; baterista da maior banda de rock do mundo; Rolling Stones perdem seu clássico; causa não divulgada

Charlie Watts, baterista do Rolling Stones, morreu nesta terça-feira, 24, aos 80 anos. A causa da morte não foi informada.

Notícias relacionadas

Charlie Watts durante show dos Rolling Stones em Chicago
21/06/2019 REUTERS/Daniel Acker
Charlie Watts durante show dos Rolling Stones em Chicago 21/06/2019 REUTERS/Daniel AckerFoto: Reuters

“É com imensa tristeza que anunciamos a morte de nosso amado Charlie Watts”, escreveu Bernard Doherty, agente do músico, em comunicado divulgado para a imprensa britânica.Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias de EntretenimentoAtivar notificaçõeshttps://195d28a8cc655e358ebcc3851b51f07d.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

“Charlie era um querido marido, pai e avô e, também como membro dos Rolling Stones, um dos maiores bateristas de sua geração. Pedimos gentilmente que a privacidade de sua família, membros da banda e amigos próximos seja respeitada neste momento difícil”, completou.

De acordo com o jornal Daily Mail, Charlie Watts morreu no hospital e estava acompanhado da família. Recentemente, ele passou por uma cirurgia e anunciou que ficaria fora da próxima turnê da banda marcada para o final de setembro.