Caso Flávio Bolsonaro: ex-assessor teve variação patrimonial de 1.000% enquanto trabalhava com 01 e Queiroz na Alerj

Em suas declarações de Imposto de Renda referentes a 2014, 2015 e 2016, o então assessor de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, Wellington Sérvulo Romano, apresentou um salto de 1.000% em seu patrimônio pessoal.

A informação é da Folha de S. Paulo, que registra: em 2016, Romano declarou ter mais da metade de seu patrimônio em dinheiro vivo.

Queiroz explica?