Magoado com o papai, Carluxo não atende ligações de Bolsonaro e vai dar tiros em Santa Catarina pensando naquilo: como abater Mourão

BR: Carluxo está magoado com o papai Bolsonaro. Ele tem se recusado a atender aos últimos telefonemas do presidente e viajou para Santa Catarina, onde tem frequentado seu clube de tiro favorito. Entre os disparos, o 02, que, atente-se, tem 36 anos de idade, só pensa naquilo: como derrubar o vice-presidente Hamilton Mourão agora que o pai exigiu-lhe um cessar-fogo. Foi essa ordem, manifestada pelo porta-voz da Presidência, general Rêgo Barros, que, segundo amigos, deixou Carluxo amuado. Ele contava com mais apoio do progenitem sua cruzada contra o vice.

Bolsonaro, por seu lado, está assaz preocupado com os humores de seu “garoto”. No impedimento de falar com ele diretamente pelo telefone, para saber, por exemplo, se ele está com frio ou se comeu direitinho, papai tem procurado amigos em comum para que avisem ao filho que precisa falar.

Nesse contexto, as preocupações do presidente, como já disse Rêgo Barros, estão voltadas para o “sangue do seu sangue”.

O desemprego que ceifou 43 mil vagas de trabalho no país em março, o dólar que atingiu a fronteira dos R$ 4 nesta quarta-feira 24 e toda a complexidade de aprovação da reforma da Previdência são, perto do biquinho de Carluxo, questões menores.