Brasil repleto de problemas reais, mas Bolsonaro vê “fantasmas” à sua volta

O presidente Jair Bolsonaro anda dizendo que “paira um fantasma” sobre o seu governo. Segundo ele, existem ameaças a seu mandato e que o fato de estar na Presidência da República vai “contra interesses de muita gente”. Questionado, não respondeu a que ameaças se referia, mas afirmou que ninguém “deve desejar sua cadeira”, porque, não é fácil enfrentar pressões de vários setores da sociedade.

“Ameaças existem. Muita gente não tem interesse de eu estar sentado naquela cadeira”, insistiu Bolsonaro na posse do novo presidente da Embratur, Gilson Machado. “Não vou entrar em detalhes. Estamos conseguindo governar o Brasil.”

Falando de improviso em cerimônia simbólica e fora da agenda, o presidente disse que muitos de seus votos foram obtidos por exclusão e afirmou que deseja obter governabilidade por meio da “consciência de todos”. “Não é gente atrapalhando não, são os problemas que o Brasil tem, uma dívida interna monstruosa, uma reforma da Previdência que alguns temem em jogar contra, mas é necessária para o bem de todos.”

Bolsonaro falou ainda sobre a relação com o Congresso Nacional. “Logicamente, no início de qualquer governo temos problemas, existem algumas caneladas, mas nunca somos inimigos”. “Isso está voltando à normalidade, o relacionamento que deveria ter. Estou muito feliz com isso”, disse.