Bolsonaro em SP visita filho de PM morto, causa aglomeração e está liberado pelos médicos para “atividades habituais”

O presidente Jair Bolsonaro passou a quarta-feira (12) na cidade de São Paulo. Pela manhã, ao chegar à capital, o mandatário participou de uma solenidade da missão brasileira que irá ao Líbano. Depois, ele seguiu de helicóptero para o Hospital Vila Nova Star, na Vila Nova Conceição, Zona Sul da cidade.

No centro médico, Bolsonaro passou por exames de rotina e foi liberado em seguida. “O Hospital Vila Nova Star informa que o Senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, passou por avaliação da equipe médica multiprofissional, está assintomático com exames laboratoriais e de imagem normais. Encontra-se liberado para manter suas atividades habituais”, diz a nota do hospital.

Em seguida, o presidente visitou um recém-nascido internado no Hospital Cruz Azul, no Cambuci, também na Zona Sul. O bebê é filho de um PM morto no sábado (8) durante uma falsa abordagem. Além dele, outros dois soldados foram assassinados. A presença de Bolsonaro acabou causando aglomeração, o que não é recomendado pelas autoridades de Saúde por conta do risco de contágio com o coronavírus.