Boate Kiss; chamado de ‘assassino’, réu passa mal em entrada de julgamento em Porto Alegre; 242 jovens mortos 8 anos atrás; assista

Um dos réus que serão julgados pelo júri popular que analisa a tragédia da boate Kiss passou mal, gritou e chorou ao chegar ao Foro Central de Porto Alegre nesta quarta-feira, 1ª, no primeiro dia do julgamento da tragédia que deixou 242 mortos na cidade de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, em 2013.

De acordo com a emissora SBT, Luciano Bonilha Leão foi chamado de assassino ao chegar ao local. As imagens mostram ele respondendo, muito abalado, às ofensas. “Eu não sou assassino”, gritou o réu, sendo aparado pelos advogados.

Bonilha está entre os réus como acusado de ter comprado o artefato pirotécnico que deu início ao incêndio na casa noturna. Outras três pessoas também serão julgadas: Elissandro Spohr e Mauro Hoffmann – sócios da boate Kiss – e Marcelo de Jesus dos Santos, ex-vocalista da banda Gurizada Fandangueira.

As famílias das 242 vítimas, e outros 636 feridos, esperam uma resposta da Justiça sobre a tragédia, que ocorreu durante o show do grupo. A expectativa é de que o júri dure entre 10 e 15 dias.

https://platform.twitter.com/embed/Tweet.html?dnt=true&embedId=twitter-widget-0&features=eyJ0ZndfZXhwZXJpbWVudHNfY29va2llX2V4cGlyYXRpb24iOnsiYnVja2V0IjoxMjA5NjAwLCJ2ZXJzaW9uIjpudWxsfSwidGZ3X2hvcml6b25fdHdlZXRfZW1iZWRfOTU1NSI6eyJidWNrZXQiOiJodGUiLCJ2ZXJzaW9uIjpudWxsfSwidGZ3X3NwYWNlX2NhcmQiOnsiYnVja2V0Ijoib2ZmIiwidmVyc2lvbiI6bnVsbH19&frame=false&hideCard=false&hideThread=false&id=1466030005088141312&lang=pt&origin=https%3A%2F%2Fwww.terra.com.br%2Fnoticias%2Fbrasil%2Fcidades%2Freu-passa-mal-na-chegada-a-forum-nao-sou-assassino%2C752a45025e7854134497580cbe951e749m4l7qfj.html&sessionId=bcede1035abc58df0b5b7f805fba441473799eb6&siteScreenName=terra&theme=light&widgetsVersion=f001879%3A1634581029404&width=550px