Após manutenção de veto pela Câmara a aumentos para servidores, Bolsonaro chama parlamentares de “sócios”; “Com esse time, atingiremos nossos objetivos”, exalta presidente

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira, 21, que vai atingir os objetivos de seu governo com a ajuda dos “sócios” que têm no Congresso, um dia após os deputados votarem pela manutenção do veto dele a um trecho de projeto que abria margem para concessão de reajuste salarial a servidores públicos.

“Podem ter certeza, com o time que nós temos, com os nossos sócios, no bom sentido, no Parlamento brasileiro, nós atingiremos os nossos objetivos”, disse o presidente, em discurso durante solenidade de entrega de unidades habitacionais em Mossoró (RN).

Na véspera, a Câmara manteve o veto de Bolsonaro um dia depois de os senadores derrubarem a negativa presidencial. Com a decisão, os deputados evitaram um possível impacto de 120 bilhões de reais nas contas públicas.

Na manhã de quinta, após a derrubada do veto no Senado e antes da manutenção pela Câmara, Bolsonaro disse que seria “impossível” governar se os deputados confirmassem a decisão dos senadores contrária ao veto.