Apesar de ataques de Bolsonaro, 79% confiam nas urnas eletrônicas; aferição do Datafolha

Mesmo diante dos ataques de Jair Bolsonaro ao sistema eleitoral, a maior parte dos brasileiros confia nas urnas eletrônicas. Segundo nova pesquisa Datafolha, 79% acreditam na segurança dos aparelhos: 47% dizem confiar muito e 32% confiam pouco. Somente 20% da população diz desconfiar das urnas e 1% não soube opinar.

O instituto fez o levantamento nos dias 27 e 28 de julho, cerca de nove dias depois do discurso do chefe do Executivo a embaixadores estrangeiros. No evento, o presidente espalhou fake news e teorias da conspiração contra o sistema eleitoral.

As urnas eletrônicas são utilizadas no país desde 1996 e nunca houve nenhum registro de fraude, apesar das acusações do presidente. Bolsonaro ataca frequentemente os aparelhos e a Justiça Eleitoral, mesmo tendo sido eleito no mesmo sistema.https://8b81966ebe5ae9f46d8ead14467b36e1.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

O chefe do Executivo tem intensificado os ataques diante de seu desempenho nas pesquisas de intenção de voto. Ele está 18 pontos abaixo de seu principal adversário, o ex-presidente Lula, que tem chances de vencer a disputa no primeiro turno.

A pesquisa Datafolha ouviu 2.556 pessoas em 183 cidades do país. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O intervalo de confiança é de 95%.