Alcolumbre não se compromete com capitalização: “Não é um assunto que está em voga, mas se algum senador levantar, vamos discutir”

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, recebeu hoje das mãos do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, o texto-base da reforma da Previdência aprovada pela Câmara. Ele falou em realizar uma aprovação rápida da reforma, que terá o senador Tasso Jereissati como relator. Alcolumbre disse que uma PEC paralela poderá incluir estados e municípios na reforma, mas não foi enfático sobre a capitalização, desejada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes:

“Capitalização não é um assunto que está em voga, mas se um senador apresentar, vamos discutir”, afirmou Alcolumbre.

Certamente, por articulação de Guedes, a capitalização será, sim, debatida. ff