Briga dos irmãos Frias vai à Justiça: Maria Cristina quer saber o que Luiz fez com ações da Folha

Filha do fundador do Grupo Folha, Octávio Frias, a ex-diretora de redação do jornal Folha de S. Paulo, Maria Cristina Frias, entrou com uma interpelação judicial, na Justiça de São Paulo, dirigida ao irmão Luiz Frias. Ela quer que ele abra os livros de registro de ações das empresas do grupo, para ter a informação exata sobre as seguidas reestruturações societárias que ele promoveu nos últimos anos.

Maria Cristina alega que já não sabe mais qual é a parte que lhe cabe. Ela desconfia que Luiz reduziu a participação dela na Folhapar, empresa que é dona do portal Uol. Este, por sua vez, é proprietário da PagSeguro, cujos planos são os de se tornar um banco. Ela também desconfia que Luiz esvaziou o caixa da empresa controladora do jornal, a Folha da Manhã S.A., pagando à vista débitos tributários que poderiam ser parcelados. A intenção seria a de deixar o jornal em dificuldades financeiras.