Demitida da Apex, Letícia tem crachá bloqueado, tenta pular catraca e tem de ser contida por seguranças

BR: O estresse da ex-diretora da Apex Letícia Catelani chegou às alturas, conta a jornalista Malu Gaspar, de Brasília. Exonerada na segunda-feira 6 pelo novo presidente da Agência, general Sérgio Segóvia, ela tentou voltar ao local de trabalho nesta quarta 8.

Ao passar seu crachá, esta tarde, Letícia descobriu que ele estava bloqueado. Passou a gritar, perdeu complemente a calma, tentou pular a catraca e só foi detida pelos seguranças.

Ontem, elas disse em suas redes sociais que sofreu pressão do governo de Jair Bolsonaro pela manutenção de “contratos espúrios” e que agora “paga o preço” por ter combatido a corrupção. “Combati incansavelmente a corrupção e fechei as torneiras que a alimentavam”, escreveu Letícia em seu Twitter. “Estou pagando o preço. Sofri pressão de dentro do governo pela manutenção de contratos espúrios, além de ameaças e difamações. Não me intimidei! Gratidão pelo apoio e o movimento.”