Exilado, Jean Wyllys apronta na ONU e dá mais trabalho a Bolsonaro do que se estivesse no Brasil; assista

BR: O ex-deputado Jean Wyllys está dando mais trabalho ao governo Bolsonaro no exterior do que se estivesse no Brasil. Nesta sexta-feira 15, ele participou de um de debate num dos auditórios da ONU, e constrangeu a embaixadora brasileira, ao associar o presidente e sua família às milícias, e estas ao assassinato da vereadora Marielle Franco.

A embaixadora Nazareth Farani Azevedo procurou se recusar a debater com Wyllys, mas foi aí que ele falou mais ainda.

“A minha presença aqui amedronta a senhora e o seu governo, que não compromisso com a democracia”. O vídeo foi gravado pelo correspondente da Folha Jamil Chade.

Assista: