BR: Já deu luta interna. Mal foi nomeado para o cargo de chefe da Comunicação Global do Palácio do Planalto, respondendo pelas verbas publicitárias, monitoramento e conteúdo das redes sociais da Presidência da República e o coronel Didio Pereira de Campos já percebeu o tamanho da sombra do filho Zero Dois de Jair Bolsonaro, Carlos, o Carluxo.

Responsável pelo estilo agressivo com que o pai se comunica via Twitter, Carluxo avisou hoje, numa rede social de amigos, que o papel do coronel será exclusivamente em relação à comunicação institucional. Deixou claro, assim, que as manifestações pessoais do presidente continuarão sob a sua jurisdição. Em outras palavras, Carluxo mandou o recado ao coronel: ‘cada um no seu quadrado’.

Vai funcionar?