Record, do bispo Macedo, ganha aumento de 659% em verbas da Secom no 1º trimestre

BR: Nada como ser amigo do rei. Nessa condição privilegiada, o bispo Edir Macedo conseguiu para a sua emissora de TV, a Record, um aumento de nada menos que 659% em verbas publicitárias na Secom, a Secretaria de Comunicação do Palácio do Planalto, no primeiro semestre deste ano.

A bolada publicitária destinada à Record foi de R$ 10,3 milhões.

Como se sabe, a emissora é a preferida do presidente Jair Bolsonaro.

A Secom já teve critérios técnicos de distribuição de verbas publicitárias, com alinhamento pela tábua de audiências.

Agora, ao que se vê, a destinação de fortunas voltou a ter critério político. n