Noblat: Bolsonaro escolhe perguntas, nega respostas e decreta que “nessa linha vai acabar a entrevista”

BR: O colunista Ricardo Noblat revelou uma parte dos bastidores da entrevista ao estilo ‘quebra-queixo’, na qual a fonte é cercada por microfone, concedida hoje, no saguão do Palácio do Planalto, pelo presidente Jair Bolsonaro.

Noblat apontou o que não foi ao ar, exatamente as reclamações e negativas do presidente a respeito das perguntas dos jornalistas sobre temas que ele não queria abordar.

Bolsonaro disse o seguinte:
“Você não pergunta mais inteligente para fazer? Pelo amor de Deus, faz outra pergunta aí” – recusando-se a falar sobre os insultos de Olavo de Carvalho a militares;

“Nessa linha vai acabar a entrevista” – em nova recusa, agora para não responder sobre os dados da violência no Rio de Janeiro, onde 434 pessoas foram mortas por tiros disparados por policiais no primeiro trimestre. Como se demonstra, Bolsonaro só fala sobre o que quer. c