Impeachment para Crivella: Câmara do Rio aceita abrir processo de impedimento contra prefeito ligado à Igreja Universal

A Câmara Municipal aprovou o pedido de abertura do impeachment do prefeito Marcelo Crivella (PRB) em sessão realizada na tarde desta terça-feira, dia 02. Agora, será formada uma comissão processante, com três vereadores sorteados que estiveram presentes na sessão. Crivella terá 10 dias para apresentar sua defesa, após a publicação da admissibilidade no Diário Oficial. Até a votação do relatório, que ainda será feito por uma comissão, ele continuar no cargo.

Se aprovado, o relatório pode determinar o afastamento de Crivella do mandato. Se rejeitado, o pedido de impeachment é arquivado.

A comissão tem até 90 dias para apresentar um relatório. Esse documento, assim que concluído, será levado ao plenário da Câmara do Rio e votado. Para ser aprovado, precisa do voto de dois terços dos vereadores. 1