Bolsonaro justifica suspensão de visto com fato de que americano não vem pedir emprego no Brasil; entre 12 milhões de desempregados, quem viria?

BR: O presidente Jair Bolsonaro tirou da ponta da língua, em entrevista coletiva a jornalistas brasileiros, após seu encontro com o presidente Donald Trump, na Casa Branca, o argumento para justificar o fato de ter determinado, sem reciprocidade, a suspensão da exigência de visto para cidadãos americanos entrarem no Brasil.

“Eu não conheço nenhum americano que vá ao Brasil procurar o emprego com estabilidade da CLT”, disse Bolsonaro. “Mas tem brasileiro que vem aqui, eu sei que não estabilidade, para arrumar emprego”, completou. Na resposta, ficou parecendo que Bolsonaro assumiu a posição de Trump, mas isso não foi tudo.

O importante seria o presidente brasileiro ter lembrado que nem americanos nem cidadãos de outros países miram um estado com 12 milhões de desempregados para tentar a sorte na vida.