Ministro da Educação emenda feriado e tira férias em julho; importante: ele tem 74 dias no cargo

BR: O ministro Abraham Weintraub, da Educação, é um privilegiado. Nesta sexta-feira 21, de trabalho em todo o Brasil, ele está desfrutando de uma ‘emenda’ de feriado de Corpus Christi, ontem, para só voltar à Brasília na segunda-feira 24, estando ausente desde a quarta-feira 19. Além dessa folga, ele vai tirar uma semana de férias em julho, medida já autorizada pelo presidente Jair Bolsonaro e publicada no Diário Oficial da União.

Em tempo: Weintraub está no cargo há apenas 74 dias. Nenhuma empresa no mundo real concederia esse benefício com tão pouco tempo de trabalho.

A assessoria do ministro alega que ele tem direitoa férias desde seus tempos de professor na Unifesp.

No caso do ministro, a ausência pode representar ganho de produtividade para a Educação brasileira. Ao menos, nenhuma medida esdrúxula será tomada.