Presidente da Caixa tenta negar, mas números não mentem; banco corta empréstimos ao Nordeste: R$ 89 mi contra R$ 4 bi para o resto do País este ano

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou que o banco não tem uma política de redução de empréstimos para o Nordeste. “A Caixa é um banco matemático. Já conversei internamente. Não existe nenhum direcionamento. Isso não existe. Somos o banco de todos os brasileiros”, disse o executivo, em entrevista à rádio CBN na manhã desta sexta-feira, 2.

A fala de Guimarães se refere à reportagem publicada nesta sexta pelo O Estado de S. Paulo, que mostrou que o banco reduziu a concessão de novos empréstimos para o Nordeste neste ano, com base nos números da própria instituição e do sistema do Tesouro Nacional. A região teria recebido R$ 89 milhões, somatório de dez operações, que representam 2,2% do total de R$ 4 bilhões liberados até julho, volume menor do que em anos anteriores.